Dias de amor conforto

07:00:00

rotina e rabisco - Instagram


Tal dia, enquanto o youtube me surpreendia com sua capacidade de ser aleatório, o Cazuza sussurrou aos meus ouvidos: "more em mim que eu deixo as portas sempre abertas", E pronto, a "merda" tava feita. Era isso que eu queria, alguém pra morar em mim e me fazer deixar as portas todas abertas a ela. Queria um amor com gosto de lar, um amor que fosse conforto, paz.



Aí você chegou - eu já falei disso aqui - e eu pude sentir o seu amor, o nosso amor. O amor conforto. Por que o amor, para mim, é o que fica depois da euforia, da saliva, dos espasmos, da respiração descompassada, dos apertos, do ritmo acelerado. Amor é o que fica quando você sai de mim e eu sinto que moro em você. Amor é quando te vejo tão homem e tão menino que me perco na cor dos teus olhos e no jeito doce do seu sorriso. Aí se passam 20 minutos ou duas horas na mesma rapidez. O amor é o que me faz não ficar ansiosa na despedida, pois eu sei que você volta. Eu sinto amor ao te oferecer meu colo porque meu colo é você.


***

Tal qual os Engenheiros, toda noite de insônia eu penso em te escrever, não para reclamar de alguma coisa, mas para dizer que se eu te escrevesse como te sinto. Se eu conseguisse por em palavras todos os suspiros, risos bobos e sensações quando estou contigo - de forma física ou não - venderia nossa história e ficaríamos ricos. Nessas histórias, te escreveria para dizer que, num relacionamento é muito massa ter alguém que se interessa por suas coisas, que deseja conhecer teu mundo, tuas verdades e até tuas mentiras. Que move o mundo só pra te agradar. Que é lindo me ver sob seus olhos. E que eu quero te mostrar o quanto és bonito, a partir dos meus.

***
Eu, que sou água em estado sólido, tô aqui, derretendo-me toda hora pra caber em nossa "forma".





Essas são as últimas fotos do instagram dessa moça que, sabe Deus por que, ainda tem um blog. Essas fotos são pra marcar uma nova etapa, o tempo do amor conforto, tem coisa mais maravilhosa que namoro novo? As coisas andam maravilhosas por aqui, uma pedra no caminho - ou na vesícula - aqui ou acolá mas a gente vai levando e vai sorrindo e vai se divertindo pra caramba. Feliz um mês!

You Might Also Like

1 comentários

Gostou? odiou? duvidas? Comenta ai!!!

.