Texto: my sweet (sixteen) 26

00:00:00

Não faz muito tempo e eu tinha 16. Estava no segundo ano do Ensino Médio e acordava as 11h45 da manhã. Depois de amanhã eu farei 26. Dez anos se passaram. E passaram voando!

~ seis coisas que aprendi nesses 26 anos ~

01 - Ser Adulto É Bom


Mas nem tudo é festa! Eu sempre quis ser adulta, acho até que fui uma adolescente chatinha sabem? E acho também que esses são os dez anos mais divertidos da minha vida. No entanto, não é fácil ser adulto. Comprou? tem que pagar. Tá com fome? tem que cozinhar. Foi pra balada no domingo? acorde às 06:00 e vá trabalhar. Ainda assim eu sou muito feliz em ser um adulto ~ jovem ~ e já estou de olho na estabilidade que a maturidade deve me proporcionar.


02 - Mudar De Opinião, Pode!!!
Nunca aprendi tanto quanto esse ano, mas ao longo da vida eu fui aprendendo que não tem problema mudar de opinião, mudar o gosto musical, perder os preconceitos e etc. Eu já fui bem mais 'durona' e achava que mudar de opinião ia me fazer ser fraca. Nada disso, admitir que você errou, que não era bem assim é o que te faz forte e inteligente.


03 - Respeito Sempre
Como diria a Mel Viegas: "respeito é bom e conserva os dentes". Se um dia eu tiver filhos e não puder ensinar nada de bom a eles, vou querer ao menos que eles aprendam a respeitar. Respeitar a si mesmos, o que eu acho fundamental para ter paz e ser feliz. E respeitar os outros, sério, não existe coisa pior do que conviver com desrespeito.

04 - Eleja Prioridades
Você pode ser 'a louca da balada', afinal a vida é sua. Você pode trabalhar no emprego mais chato do mundo para juntar dinheiro e passar um ano na Europa. Você pode trocar sua 'vida social' para estudar para uma seleção de mestrado/doutorado/concurso. Ou você pode ficar em casa todas as noites fazendo maratona de seriados e comendo brigadeiro. A vida é sua e ela é feita de escolhas. Não dá para ter tudo. Quer viajar? economize. Quer se graduar? Estude. O importante é eleger prioridades e não ficar reclamando da vida. Metas, elas são muito importantes e guia para as nossas decisões.

05 - Arrisque-se
Poxa a vida, não viemos ao mundo a passeio! Então vamos fazer coisas que dão vontade, se rolar arrependimento, peça desculpas, mas viver sem tentar é meio que nem viver. Leia este post da Camila sobre como ela deixou um emprego, foi fazer o que deu vontade e os aprendizado que isso lhe trouxe. Link direto aqui e aqui

06 - Seja Você
Mesmo que seja estranho! Thanks Pitty.

Bjs e até

You Might Also Like

8 comentários

  1. Concordo com tudo Ítala, é assim mesmo, a gente se torna adulto e vem todas as responsabilidades, mas é muito gostoso ser adulto, a cada conquista nossa seja no trabalho, no estudo, ou em relacionamentos nos engrandece e nos torna mais fortes pra continuar a vencer as barreiras. Eu tou quase chegando nos 30, tem tanta coisa que quero fazer e arriscar...
    Beijinhos ♥
    http://veidaslife.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulher que mentira é essa?
      Jurava que você tinha 20 e bem poucos,
      eu super concordo com você,
      cada conquista nossa é maravilhosa!

      bjs

      Excluir
  2. Ainda não fiz 26, mas concordo com tudo o que você escreveu no post. Tirando o fato de que ser adulto é bom, porque isso ainda me assusta um pouco - estou com quase 20, então estou construindo as responsabilidades de adulto agora, entende? - . Mas super entendo o que você falou :}

    Um beijo,
    Isabella
    The Urban Trends

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Isa,
      Ser adolescente é muito bom
      mas acho que o frio na barriga da idade que você tem - quase virando adulta - é maravilhoso

      bjs

      Excluir
  3. Ítala, isso é amadurecimento.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Vivendo e aprendendo né? Acho que o mais importante que eu aprendi nos ultimos anos foi a não julgar ninguém, cada um sabe dos seus motivos, suas dores e suas alegrias, nós apenas vemos o lado de fora da coisa, rs
    beijinhos
    www.queseja-doce.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. GENTE QUE LOUCURA, né?! Mês que vem faço 23, Ítala! E você aí, casada e realizada aos 26. Preciso correr hahahaha
    Gostei muito da sua listinha, principalmente do "seja você", acho que quando somos mais novas juramos que somos diferentes, mas somos muito influenciadas.


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  6. oi ítala, me identifiquei com alguns pontos q vc elencou. Também acho q fui uma adolescente chata, daquelas que acham tudo uó e se leva a sério demais. era para eu ter sido mais *punk* e deixar essa caretice com a idade adulta hehe
    mudar de opinião, também foi outro ponto que tive q aceitar, sempre fui muito auto-critica e achava que mudar de opinião me faria fraca.
    seja você, mesmo que seja estranho! clichê, mas é a mais pura verdade!!
    um grande beijo e parabénss!!

    ResponderExcluir

Gostou? odiou? duvidas? Comenta ai!!!

.